Review HQ – Independência ou Mortos! @jovemnerd

As pessoas gostam do passado, a prova disso é a quantidade de filmes, livros, quadrinhos, seriados e jogos que representam antigos períodos históricos e fazem um tremendo sucesso.

A Europa possui a idade média, com todos os seus cavaleiros e fantasias.

O Japão possui seus samurais.

Os Estados Unidos possui o famoso velho oeste com seus cowboys.

Mas e o Brasil?

Infelizmente no consciente popular a história do Brasil carece de fatos interessantes, o que é uma tremenda mentira, pois temos diversos períodos que dariam ótimas histórias a serem contadas, como podemos ver em alguns filmes como “O Cangaceiro” e quadrinhos como Ditadura no Ar, para citar alguns exemplos.

Hoje vamos falar de um lançamento que se já se tornou outro exemplo do que eu falei acima, “Independência ou Mortos”, que já pode ser eleita uma das melhores HQ’s nacionais do ano!

“Independência ou Mortos” reconta a vinda da corte portuguesa para o Brasil, mas com um pequeno diferencial em relação ao que de fato acontece, pois afinal temos zumbis.

Isso mesmo, zumbis.

É incrível a criatividade do roteirista Abu Fobiya (pseudônimo de Fabio Yabu) ao introduzir os zumbis na história de nosso país, com uma sagacidade cômica fora do comum com ótimos diálogos como quando um bando de zumbi invade um bordel e Dom Pedro, um dos maiores mulherengos de todos os tempos, solta a pérola “Bestas malditas, como ousam invadir esse local imaculado!?” e Chalaça, seu fiel escudeiro e amigo de farras, ainda complementa com o comentário “Nada mais é sagrado?”. Não tem como não rir.

E o melhor é que a leitura é engraçada, mas em momento algum força a isso, o que torna a obra fenomenal, pois a graça está nos detalhes e não em piadas prontas.

A arte de Harold Stricker é um show a parte, a cada releitura você percebe novos detalhes. Na mesma cena que eu descrevi anteriormente, do bordel, no fundo temos um dos soldados de Dom Pedro matando um zumbi ao mesmo tempo em que cumprimenta uma das meninas da casa, algo que em uma leitura rápida você não repararia, mas quando lido com mais cautela garante boas gargalhadas.

Independência ou Mortos é uma obra que mistura um bom roteiro com uma boa arte e o melhor de tudo: é nacional, o que é uma tapa na cara daquelas pessoas que pensam que nada produzido no Brasil é bom. A obra vale cada centavo gasto, custa R$49,90, possui capa dura, 160 páginas e está à venda apenas na Nerdstore do site Jovem Nerd.

Porem como Maia ficou maluco, ele lançou mais uma promoção sorteando uma HQ INDEPÊNDENCIA OU MORTOS Clique aqui e veja como participar!

Postado em: HQ